Blog da AMI

Projeto Rua “Em Família para Crescer”

Em 1989, o Instituto de Apoio à Criança viu aprovado o Projeto “Trabalho de Rua com Crianças em Risco ou Situação de Marginalidade”, no âmbito do 3º Programa de Luta contra a Pobreza das Comunidades Europeias. Com o objetivo de trabalhar para a integração económica e social de grupos desfavorecidos, este projeto foi aprovado como sendo uma abordagem “inovadora”.   Co...


Trabalho infantil no Mundo e o seu fim

AMI Informa - Fátima Pinto Cnasti

Durante a década de noventa surgiu por todo o mundo, um sem número de organizações de combate ao trabalho infantil. Até que a OIT (Organização Internacional do Trabalho) em 1998 começou, também ela a discutir uma Convenção sobre as Piores formas de trabalho Infantil. Porquê as piores formas apenas? O trabalho infantil, segundo muitos países, era fundamental para a sua economia e proibi-lo era impensável. Já as piores formas, esc...


Há esperança nos olhos da criança

AMI Notícias - trabalho infantil - Ha-esperanca-nos-olhos-da-crianca

A urgência de abordar as questões em torno do Trabalho e da Exploração Infantil no século XXI foi enfatizada pelo impacto da pandemia. Acelerar o progresso nesta matéria e erradicar qualquer tipo de trabalho forçado ou escravidão moderna é agora, mais do que nunca, uma responsabilidade conjunta e inadiável. A Declaração das Nações Unidas de 2021 como o ano para a Eliminação do Trabalho Infantil veio formalizar a imperatividade ...


A verdade mais aterradora

AMI Notícias - trabalho infantil - A verdade mais aterradora

São várias as formas de trabalho e exploração infantil que se praticam em distantes geografias, da Ásia pacífico, passando pela África Subsariana até à América Latina. As causas são muitas vezes transversais, as consequências do trabalho infantil são sempre nefastas e dificilmente reversíveis. Estima-se que no mundo, 152 milhões de crianças entre os 5 e os 17 anos trabalham ou praticam alguma atividade que as distancia da reali...


“Papia Ku Mi”: a promoção da saúde e direitos sexuais e reprodutivos na Guiné-Bissau

Começou “Papia Ku Mi”, o novo projeto de desenvolvimento da AMI em Bolama, na Guiné-Bissau.  O objetivo é a Promoção da Saúde e Direitos Sexuais e Reprodutivos, e terá a duração de 12 meses. Pretende-se consciencializar a comunidade local, nomeadamente a população adolescente e juvenil da ilha, bem como os seus cuidadores e líderes comunitários para aquilo q...


Entrevista à diretora executiva da Unicef Portugal sobre o trabalho infantil

Na sequência das Nações Unidas terem declarado 2021 como o ano Internacional para a Eliminação do Trabalho Infantil e uma vez que no mês de março a 80ª edição da revista AMI Notícias é dedicada a este tema, entrevistámos a Diretora Executiva da Unicef Portugal, Beatriz Imperatori. Considerando impreterível aprofundar este tema e as suas problemáticas agravadas pela pandemia da Covid-19, procurámos junto da Unicef en...


O Direito a ser criança: uma luta em várias frentes

Durante a maior parte da história da humanidade, o trabalho infantil fez parte de todos os seus capítulos. A utilização das crianças como força de trabalho, impedindo-as muitas vezes de frequentar a escola,[1] teve o seu pico de consensualidade no ocidente, durante a revolução industrial e fruto da crescente necessidade de mão-de-obra. Sujeitar crianças ao trabalho era uma prática banal nos século XVIII e XIX, e até inícios do s...


AMI retirou 38 pessoas da situação de sem-abrigo em 2020

tenda na rua sem-abrigo

Em 2020, frequentaram os equipamentos sociais da AMI em todo o país, 1.227 pessoas em situação de sem-abrigo, que representam 13% da população total atendida. Distribuem-se principalmente pelos grandes centros urbanos, Grande Lisboa (50%) e Grande Porto (43%). Foram atendidas pela primeira vez 391 pessoas que se enquadram na tipologia de Sem-Abrigo definida pela Federação Europeia das Organizações que Trabalham com a População Sem-A...


Covid-19: AMI responsável por alojamento de emergência para mulheres sem-abrigo em Lisboa

mulher sem abrigo

A Casa do Lago é um Centro de Alojamento de Emergência Municipal criado pela Câmara Municipal de Lisboa no âmbito do combate à Covid-19. Desde 1 de janeiro de 2021, a AMI assumiu a gestão desta resposta de emergência para mulheres sem-abrigo em Lisboa. Este equipamento social acolhe 18 mulheres em situação de sem-abrigo, maiores de 18 anos e com autonomia e independência suficientes, de acordo com as condições físicas de c...


Haiti: bem vindo ao caos

Texto: Luís Pedro Nunes Fotos: Alfredo Cunha E citou Voltaire, Diderot, Montesquieu, Rousseau e D. Pedro I. Esta frase que está entre aspas vai contra toda a lógica do local onde foi proferida. Sim. Não é pelo sentido ou pelo conteúdo, mas pelo contexto. Estava a abandonar um dos mais abjetos e desolados locais que visitei em toda a minha vida de jornalista, quando vi um miúdo de vinte e poucos anos a sorrir. Tinha uma camisola colo...


Retratos de Esperança

A exposição “Toda a Esperança do Mundo”,  patente até ao dia 15 de janeiro, no Centro de Juventude de Lisboa, é uma amostra fotográfica do livro “Toda a Esperança do Mundo”.  A obra foi lançada em 2015 no âmbito do 30º aniversário da AMI e é resultado dos trabalhos de foto-reportagem do fotógrafo Alfredo Cunha e do jornalista Luís Pedro Nunes por países como a Guiné-Bissau, o Níger, a Roménia, o Bangladesh, ...


Atribuídos dois primeiros prémios ex-aequo e cinco menções honrosas do “Prémio AMI – Jornalismo Contra a Indiferença”

jornalismo contra a indiferença 2020

“O lugar onde nem eu nem tu queremos viver” de Marta Gonçalves (Expresso) e “Entregues à sorte” de Amélia Moura Ramos (SIC) são os trabalhos vencedores da 22.ª edição do Prémio AMI – Jornalismo Contra a Indiferença. O júri, constituído por Miriam Alves, vencedora do ano anterior, Ana Paula Cruz, médica e ativista humanitária e Tânia Barbosa, Administradora e Diretora do Departamento Internacional da AMI, decidiram atrib...


As más notícias correm depressa, as boas damos nós!

O ano de 2020 foi claramente atípico e conturbado, marcado por uma sucessão de acontecimentos em diversos pontos do globo que alteraram o curso da história e da vida de todos nós. Mas de 2020 queremos essencialmente recordar também o que aconteceu de bom e de que maneira a AMI contribuiu para a garantia do apoio direto de 95.000 pessoas em vários países do mundo e mais 8.000 pessoas em Portugal. Desde a Campanha Escolar Solidária, ao apoi...


Viver com dignidade

apoio domiciliario

O Serviço de Apoio Domiciliário (SAD) da AMI foi criado para a prestação de cuidados, no domicílio, a famílias e pessoas singulares que se encontrem em situação de dependência física ou psíquica e que não possam assegurar de forma autónoma as suas necessidades básicas, nem disponham de apoio familiar para o efeito. Fomos acompanhar o Serviço de Apoio Domiciliário, uma resposta social de acompanhamento e assistência que assegu...


Corações independentes

epes senior 01

Sem saber exatamente quem iríamos encontrar, para além da Diretora do Centro, chegámos à sala comum do Centro Porta Amiga de Chelas, para conhecer o projeto EPES Sénior – Espaço de Prevenção à Exclusão Social Sénior – um projeto dirigido aos idosos da comunidade, pessoas com mais de 70 anos e moradoras da zona. O EPES é um espaço integrado no bairro social da Flamenga, numa esfera mista de vivências e realidades sociais,...


Mais 5.019 pessoas terão uma ceia de natal digna este ano

A AMI irá entregar cabazes de Natal a 5.019 pessoas (1.904 famílias) em todo o país no âmbito da 10.ª edição da Missão Natal – “O nosso desejo para este Natal é que o Natal seja para Todos”.  Na época natalícia, para além do acompanhamento social que disponibiliza ao longo de todo o ano, e que requer um diagnóstico rigoroso, um trabalho conjunto com os beneficiários e uma avaliação contínua e adequada à necessidade...


No passar dos anos

Toda a Esperanca do do Mundo alfredo cunha (Large)

Do ponto de vista sociológico, o envelhecimento consiste na maturação física, psicológica, social e vital do ser humano. A maturação e o envelhecimento sucedem em diferentes fases da vida, influenciando não só a vitalidade de uma pessoa, mas o seu papel na sociedade, em consequência das transformações que ocorrem nas suas interações sociais, em função do seu estágio de crescimento. No domínio das políticas sociais, predomina...


“A avó veio trabalhar”

a avo veio trabalhar

“A Avó veio trabalhar” é um projeto criado pela designer Susana António e o psicólogo Ângelo Campota, cuja ideia surgiu mais do que de um propósito, de uma inevitabilidade: desconstruir o estigma de que a função dos maiores de 65 anos é irrelevante do ponto de vista criativo. Desde o desenvolvimento de workshops e sessões de team-building, à criação de campanhas publicitárias, de merchandising para festivais até aos adereço...


Semear esperança para quem dela precisa

A AMI e Associação Semear estabeleceram uma parceria para fazer chegar cabazes de alimentos aos beneficiários dos Centros Porta Amiga da AMI, contribuindo, assim, para que o Natal chegue a todos. Este Natal, a Semear, com o apoio de empresas parceiras, concedeu aos Centros Porta Amiga da AMI, 125 cabazes de produtos frescos e 62 de cabazes de Natal que se destinam aos beneficiários dos centros sociais de Chelas, Olaias e Cascais. Serão...


Entrevista a Maria Teresa Horta

Maria Teresa Horta foi recentemente distinguida pelo Ministério da Cultura com a “Medalha de Mérito Cultural”, pelo seu contributo incomparável para a cultura portuguesa. Não gosta de prémios, gosta de escrever, sempre à mão e de caderno no colo. A poesia é a sua linguagem e o erotismo o seu tom de voz. Censurada, nas sombras de uma época marcada pelo fascismo, Maria Teresa Horta é um ícone da luta pelos direitos das mulheres em Po...


Quem cuida dos cuidadores informais?

idoso_cuidadoresinformais

"O Cuidador é toda a pessoa que assume como função a assistência a uma outra pessoa que, por razões tipologicamente diferenciadas, foi atingida por uma incapacidade, de grau variável, que não lhe permite cumprir, sem ajuda de outro(s), todos os actos necessários à sua existência, enquanto ser humano (Oliveira et al., 2007).” É assim que surge a definição de Cuidador... Na minha perspectiva, Cuidador Informal é toda a pessoa que...


Lista dos candidatos aprovados ao Fundo Universitário AMI 2020/2021

Fundo_Universitario_AMI_1200x628

Já são conhecidos os resultados das candidaturas à 6ª edição do Fundo Universitário AMI, uma bolsa de apoio social no valor de €700, que conta com o apoio do Grupo Auchan Portugal e que se destina a apoiar o pagamento de propinas de estudantes que estejam a frequentar cursos de licenciatura, mestrado integrado ou mestrado simples em instituições de ensino superior públicas.  Relativamente ao ano anterior, este ano foram apro...


Em memória de Badji

No Senegal, em Réo Mao, Badji, um dos mais antigos enfermeiros apoiados pela AMI no seu trabalho, faleceu no passado mês de setembro, após 25 anos de trabalho e dedicação à população de Réo Mao, marcando a história e o percurso da AMI no Senegal. Em 1996, Badji promoveu uma angariação de fundos, junto da comunidade local, para financiar a construção de um Centro de Saúde no distrito de Bambeye, no qual desempenhou, não só, fun...


Segurança alimentar poderá estar em risco para metade das pessoas apoiadas pela AMI

O apoio alimentar continua a ser uma das necessidades mais apontadas pelos beneficiários da AMI em Portugal. Desde o início do ano, a AMI apoiou através dos seus equipamentos sociais em Portugal, mais de 7.000 pessoas em situação de pobreza e exclusão social. A distribuição de géneros alimentares foi o serviço social da AMI mais procurado, tendo sido apoiadas 3.967 pessoas (53%), seguindo-se o apoio social, que chegou a 3.791 pessoas...


Entrevista a Marcelino Sambé

MarcelinoSambe_photo-AndreUspensky

Fotografia: André Uspensky Move-se na dança clássica e por ritmos africanos com a fluidez de quem carrega o talento no sangue. Marcelino Sambé, português e guineense é aos 26 anos o principal solista da Royal Opera House, em Londres. Aceitou o convite da AMI para abordar os desafios de ser jovem, bailarino e imigrante, numa reflexão sobre os tempos de hoje e a esperança do amanhã. Em que fase da sua juventude é que descobriu que d...


Doar uma refeição a quem não a pode comprar

O apoio alimentar é uma das necessidades mais apontadas pelos nossos beneficiários e é essencial para que se consigam resultados efetivos na melhoria das suas condições de vida. Assim, com o aumento dos pedidos de ajuda à AMI em virtude dos efeitos colaterais da Covid-19, a Edenred associou-se à AMI para dar resposta às famílias mais vulneráveis. Assim, as empresas poderão adquirir senhas Euroticket Refeição, que serão entregues ...


“Sempre desejei ir para o Ensino Superior”

testemunho_bolseira_fundouniversitarioami_53

"Sempre desejei prosseguir para o Ensino Superior. Compreendi que era uma jovem que gostava de estudar, de aprender e de aprofundar os meus conhecimentos. Sou curiosa por natureza e desejo ir mais além do que conheço. Assim, enveredei pela minha primeira opção de licenciatura, o curso de Ciência Política e Relações Internacionais da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa. Depois, desejei prosseguir pelo...


Dia Mundial da Alimentação

dia mundial da alimentacao alfredocunha

Foto: Alfredo Cunha No Dia Mundial da Alimentação, o Departamento Internacional da AMI alerta para as dificuldades no acesso à alimentação em três países onde a instituição atua – Guiné-Bissau, Colômbia e Bangladesh – através do olhar dos Parceiros Locais, destacando os principais desafios e tradições gastronómicas de cada um destes países. De acordo com o Comité de Direitos Económicos, Sociais e Culturais das Nações...


Pedidos de ajuda à AMI continuam a aumentar exponencialmente

No terceiro trimestre de 2020, o número de pessoas que pediram ajuda à AMI pela primeira vez (726), é superior ao total de novos casos registados nos primeiros seis meses do ano (692), tendo a média de novos casos do terceiro trimestre (242) mais do que duplicado em relação à média mensal do primeiro semestre (116). Nos primeiros nove meses de 2020, a AMI apoiou através dos seus equipamentos sociais em Portugal, mais de 7.000 pessoas ...


Com as escolas pelos jovens

ami nas escolas

A AMI tem trabalhado ao longo dos anos para garantir o acesso à educação inclusiva, de qualidade e equitativa, promover a igualdade de oportunidades de aprendizagem para todas as crianças e jovens em Portugal, mas também incentivar a sua participação ativa na sociedade. Partindo desta premissa, desde 1995 têm sido realizadas sessões de sensibilização, informação e divulgação nas escolas do país, de forma a alertar os alunos par...


Objetivos de Desenvolvimento Sustentável: 5 anos a caminhar para um mundo mais humano

Os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) definidos pelas Nações Unidas em 2015 surgem no seguimento dos progressos e lições aprendidas com os 8 Objetivos de Desenvolvimento do Milénio (ODM), entre 2000 e 2015, para os quais contribuíram 361 projetos da AMI. Em 2019, os nossos projetos em Portugal e no Mundo contribuíram para os 17 ODS: Objetivos de Desenvolvimento Sustentável - O nosso contributo em Portugal e no Mundo, pa...


Pedidos de ajuda à AMI aumentam em Portugal

Centro Porta Amiga Chelas - Entrega de Cabazes - covid-19

Reflexo das dificuldades que já começaram a atingir muitas famílias portuguesas, o número de novos casos que recorreram à AMI aumentou 55% na fase de desconfinamento, tendo-se não só mantido, mas complementado o apoio às pessoas acompanhadas nos equipamentos sociais da AMI. Fiel às suas responsabilidades e à sua vocação na área da Ajuda Humanitária, a AMI nunca parou a sua atividade, mesmo durante o período de confinamento, tend...


Ajudar a crescer

EPES CentroPortaAmiga_Cascais1

Nos Centros Porta Amiga de Gaia e de Cascais, o Espaço de Prevenção à Exclusão Social (EPES) é uma componente do trabalho psicossocial desenvolvido pelas equipas de assistentes sociais e psicólogos de cada centro, dirigido a jovens e seniores. O serviço prestado nestas áreas e com estas populações pretende minimizar e prevenir indícios de exclusão social, através da promoção e do desenvolvimento de competências educativas e socia...


Educação para todos

Há 12 anos que a AMI promove a Campanha Escolar Solidária, em parceria com a Auchan, com o objetivo de contribuir para que todos os jovens usufruam das mesmas condições de acesso à educação, independentemente das circunstâncias socioeconómicas em que se encontram. Em Portugal e através dos Centros Porta Amiga, a AMI tem trabalhado lado-a-lado com famílias que apresentam fragilidades sociais e económicas inerentes a condições estr...


Tareque Jabed, um homem de causas

Nome: S.M Tareque Idade: 56 anos Nacionalidade: Bangladeshiana Gestor de projetos, com mais de 30 anos de experiência na área do desenvolvimento, desenho de projetos, planos operacionais, gestão financeira, gestão de staff, organização e supervisão de projetos implementados, monitorização e avaliação dos mesmos, training, networking, representação e reporting a doadores. Capaz e confiante de contribuir eficazmente para q...


12ª Campanha Escolar Solidária AMI/Auchan – Vales Escolares

Campanha Escolar Ami Auchan

Este ano, voltamos a apoiar mais de 3.500 crianças entre os 3 e os 18 anos através da 12.ª edição da campanha escolar solidária AMI/Auchan. Até 30 de agosto adquira vales de material escolar nas lojas Auchan e ajude a rechear uma mochila para distribuir pelas crianças de 9 Centros Porta Amiga e 3 núcleos da AMI em todo o país (Continente e Ilhas). À semelhança das campanhas anteriores, o valor angariado será duplicado pela Auch...


Faça a diferença!

Caro(a) AMIgo(a), Quando em Portugal ouvimos falar dos primeiros casos relacionados com a Covid 19, estávamos todos longe de imaginar o impacto que este vírus iria ter na vida de todos nós. Todos, sem exceção, aprendemos novas formas de estar e de comunicar. Ficámos mais fragilizados, tomámos consciência que a nossa sociedade humana dificilmente voltará a ser a mesma. Ciente das suas responsabilidades e da razão pela qual foi cria...


Líbano, um país martirizado

Líbano_Beirute

O Líbano, que já foi considerado a Suíça do Médio Oriente, vive desde 1975 uma sucessão de conflitos e tragédias devido nomeadamente à sua posição geográfica, entalado entre o Mediterrâneo, Israel e a Síria, a sua composição religiosa: católicos (maronitas) e outras comunidades cristãs, muçulmanos (xiitas e diversas minorias como os drusos e alauitas, sunitas). Para não falar da sua constituição de 1948, da sua classe políti...


Prevenção da Covid-19 em Moçambique

Sensibilizacao Covid-19 no Centro Saúde Nhaconjo - Moçambique

Um ano após a intervenção de emergência da AMI em Moçambique, em resposta ao ciclone IDAI, os materiais doados ao Centro de Saúde da Manga Nhaconjo, na Beira, apoiaram na prevenção da propagação da COVID-19. À entrada do Centro de Saúde, onde ainda está em utilização o hospital de campanha montado pela AMI, os materiais deixados pela instituição foram utilizados para promover a lavagem das mãos de quem por lá passava. Par...


De Braga a Gaia: uma parceria que cuida

O Centro Porta Amiga (CPA) de Gaia começou a receber o apoio da Farmácia Tebosa de Braga em setembro de 2019, uma parceria que foi estabelecida para colmatar uma necessidade há muito sentida no que respeita ao acesso a medicação. A procura deste tipo de apoio é muitas vezes o motivo pelo qual as pessoas recorrem aos serviços médicos e de enfermagem dos Centros Porta Amiga da AMI. Até ao momento, e em resultado desta parceria já foram a...


Luís Pedro Nunes: um testemunho sobre a Guiné-Bissau

Não é qualquer pessoa que pode ir fazer voluntariado para África. Ou melhor: até se pode dar bem com certo tipo de situações como reconstruir uma escola em São Tomé ou qualquer coisa esteticamente mais apelativo. Mas o quotidiano desgastante de uma realidade como na Guiné Bissau, por exemplo, nada tem de glamoroso e acaba por entrar na cabeça de muitos. O calor, a chuva, o racionamento da luz e da comida, o trabalho burocrático à luz ...


22ª Edição do Prémio AMI – Jornalismo Contra a Indiferença (cerimónia de entrega adiada)

PremioJornalismoAMI_2021_1200x628

Perante o cenário atual de pandemia que o país e o mundo enfrentam e que obrigaram à adoção de medidas excecionais para garantir a segurança de todos, a seleção dos vencedores e a cerimónia de entrega do Prémio AMI – Jornalismo Contra a Indiferença será adiada para o final do segundo semestre de 2020. A data e o local do evento serão anunciados logo que possível nos canais de divulgação da AMI....


A terrível crise esquecida do Uganda

Talk2Me é um projeto ímpar que trata uma das questões que mais afeta a vida da população jovem no Uganda, sendo também um dos temas mais difíceis de abordar. O assunto da saúde sexual e reprodutiva tem sido abordado por alguns parceiros que têm tentado educar a comunidade nos centros de saúde, mas pensemos no seguinte: quantos jovens visitam os centros de saúde por questões como esta? Definitivamente muito poucos. A melhor abordage...


Alerta: processo de recrutamento fraudulento em Moçambique

A Fundação de Assistência Médica Internacional (AMI) alerta que neste momento não tem qualquer processo de recrutamento a decorrer em Moçambique e que qualquer iniciativa nesse âmbito será de caráter fraudulento. A AMI informa ainda que todos os processos de recrutamento promovidos pela instituição são sempre publicados no site da instituição, na página de Recrutamento, e que todos os contactos são efetuados através de endere...


AMI volta a representar Portugal na FEANTSA

Fotografia: Alfredo Cunha A AMI representa Portugal pela segunda vez no Conselho de Administração da FEANTSA (Federação Europeia de Associações Nacionais que trabalham com a População Sem-Abrigo), a maior rede europeia de instituições que atuam nesta área. A adesão da AMI remonta a 1997, tendo assegurado, pela primeira vez, a representação nacional no Conselho de Administração da instituição no biénio 2009/2011. Desde 199...


“Vamos todos ser Dinis”: AMI promove angariação de fundos para reflorestar o Pinhal de Leiria

Ecoetica reflorestacao do Pinhal de Leiria

No Dia Mundial do Ambiente, a AMI lança a campanha “Vamos todos ser Dinis”, cujo objetivo é a reflorestação de 100.000 m2 de área ardida no Pinhal de Leiria, correspondente a 10.000 árvores de espécies autóctones, no âmbito do projeto Ecoética. O mote desta campanha tem por inspiração o papel fundamental do Rei D. Dinis na plantação do Pinhal de Leiria no século XIII. Na atualidade, a AMI pretende assumir esta responsabilida...


Há 31 anos em missão com organizações locais

A AMI tem dedicado 31 dos seus 35 anos de história a intervir no terreno em parceria com organizações locais, reconhecendo a sua importância no conhecimento dos “palcos” onde atua, seja no campo humanitário ou do desenvolvimento. O mundo vive em constante mudança e imprevisibilidade: guerras e conflitos armados despoletam num tiro silencioso e catástrofes climáticas subvertem as leis da sobrevivência de inúmeras populações do m...


AMI apoia mais de 4 milhões de pessoas em Portugal e no Mundo

AMI-consignacao-IRS-Covid19-1200x628px-SemAbrigo.jpg

Mais de 4 milhões de pessoas beneficiam direta e indiretamente dos projetos da AMI, em Portugal e em vários países do mundo, nas áreas da saúde, luta contra a pobreza e exclusão social, ambiente, educação e cidadania.  A nível nacional, com os efeitos colaterais da Covid-19, muito particularmente o lay-off e o desemprego, a pressão está nitidamente a aumentar, havendo já pedidos por parte da Segurança Social e Serviços Socia...


A maior ameaça à sobrevivência da Humanidade

Estamos a sair de um momento particularmente difícil para a Humanidade, em que a nossa resiliência, esperança e altruísmo foram postos à prova, mas é fundamental que o nosso humanismo, as Democracias e a nossa cidadania coletiva, solidária e responsável saiam fortalecidos. Não podemos ignorar os desafios que já existiam e que continuam a agravar-se. Subscrevo, por isso, com sentido de dever, a carta que milhões de colegas médicos e...


Peditório da AMI não vai à rua

Peditório Online AMI com MBWAY 1200x620

Em mais de 25 anos, é a primeira vez que a AMI realiza um peditório exclusivamente online, face às exigências da conjuntura atual e à responsabilidade de nos protegermos mutuamente.  Este ano, o montante angariado destina-se a contribuir para fazer face ao esforço suplementar, tanto em termos humanos como económicos, que o combate à disseminação da Covid-19 em Portugal e no mundo impôs à AMI, e dar resposta a um consequente ag...