É P’ra hoje pensar no amanhã

É P’ra Amanhã - No Planet B

É P’ra amanhã” é mais um projeto apoiado pela iniciativa da AMI, “No PLANet B! – Grandes Ações”, que tem como foco a mobilização da sociedade civil para o combate às alterações climáticas e é promovido pela Circular Economy Portugal (CEP).

Este projeto consiste na criação de uma série documental que procura abordar a importância da sustentabilidade ambiental e reconhecer iniciativas pioneiras em Portugal, cujas práticas sirvam de exemplo e de boa conduta para comportamentos e consumos mais responsáveis e amigos do ambiente.

Pequenas ações, grandes impactos

Esta série é inspirada no documentário “Demain”, realizado por Cyril Dion e Mélanie Laurent em 2015 e adota o mesmo tom positivo do documentário francês. Optando por não mostrar o pior cenário das alterações climáticas, esta série pretende explorar o que de relevante pode ser feito para combater as alterações climáticas. É P’ra amanhã é concebida com o objetivo de sensibilizar a sociedade portuguesa a criar um movimento de sustentabilidade e demonstrar que através de pequenas ações é possível revolucionar a forma como encaramos os nossos consumos e impactamos diretamente o nosso meio ambiente.

É P’ra Amanhã - No Planet B

Teresa Carvalheira, coordenadora do É P’ra Amanhã e Andreia Barbosa, colaboradora da Circular Economy Portugal, em entrevista para a AMI.

Teresa Carvalheira, gestora do projeto, afirma que “há um sentido de predisposição muito grande na sociedade portuguesa para este tema, as pessoas estão curiosas. Sentimos que a nossa obrigação é acima de tudo passar informação correta à sociedade e atuarmos como um veículo de mudança”. Já Andreia Barbosa, colaboradora da Circular Economy Portugal, reforça que “o número de iniciativas recolhidas tanto pela investigação conduzida, como pelos contributos foi tão grande e acima do esperado que acabou por ser demonstrativo que há muita coisa a ser feita em Portugal com vista à conservação do ambiente”.

As iniciativas documentadas pela equipa do “É P’ra amanhã” foram geograficamente espalhadas pelo país, o que resultou numa viagem com recurso a diversos meios de transporte amigos do ambiente (bicicleta, transportes públicos e meios elétricos), de modo a que a própria conceção da série documental fosse isenta de pegada ecológica.

A mudança é de todos

Foram seis as áreas de abordagem desta série e 60 os projetos alcançados, focando-se fundamentalmente nos temas da alimentação, educação, política, economia, mobilidade e energia.

Este projeto tem a preocupação de documentar iniciativas desenvolvidas por diferentes faixas etárias e gerações, provando que de facto, a mudança depende de todos nós, dos mais jovens aos mais graúdos. Todos podemos assumir um papel ativo no que toca à forma como produzimos e consumimos. É a grande divisa desta ação.

“Nas rodagens da série assistimos a uma grande vontade de mudança, fomos sempre visitar pessoas e iniciativas que já de si estão a fazer alguma coisa. No entanto, mesmo em torno dos projetos, conhecemos várias comunidades (de diversas gerações) muito energéticas, com vontade de agir e combater as alterações climáticas“, reforça Teresa Carvalheira.

As ações e práticas captadas pelas câmaras da equipa de rodagem pretendem ainda estimular a ação coletiva, isto é, incentivar pessoas e organizações a juntarem-se para criar soluções e modos de vida alternativos, mais harmoniosos e sustentáveis. Transformar o ónus da conservação do ambiente enquanto responsabilidade individual e reconhecê-lo do ponto de vista coletivo, é um mecanismo que para este projeto, irá exponenciar o impacto da sustentabilidade e da proteção do ambiente.

Equipa "É P’ra Amanhã"

Equipa “É P’ra Amanhã”

Este documentário foi acolhido pela Circular Economy Portugal (CEP), uma organização sem fins lucrativos que atua para “uma sociedade sem desperdício”, procurando seguir os princípios da economia circular em projetos inovadores do ponto de vista social e colaborativo.

As filmagens do “É P’ra amanhã” estão concluídas e em processo de edição. A equipa espera que no final de 2019 estreie o primeiro episódio da série na televisão portuguesa. Até lá, é importante manter presente que reconfigurar os nossos comportamentos e consumos para garantir que o nosso planeta se mantém como sempre o conhecemos é já para amanhã.

O projeto “There Isn’t a Planet B – Win-win strategies and small actions for big impacts on climate change” é um projeto desenvolvido pela AMI em Portugal, financiado pela União Europeia e pelo Instituto Camões a nível nacional. Sensibiliza atualmente 22 organizações nacionais na implementação de ações de sensibilização para as alterações climáticas e sustentabilidade ambiental.