Covid-19: AMI mantém todo o apoio aos seus beneficiários em Portugal

Neste momento particularmente difícil para todos, é imperativo que o esforço para preservar a vida humana seja coletivo.

A AMI continua a assegurar todos os serviços essenciais nos seus equipamentos e respostas sociais em Portugal, designadamente 9 Centros Porta Amiga, 2 Abrigos Noturnos, 2 Equipas de Rua e 1 Serviço de Apoio Domiciliário, em paralelo com a implementação de medidas de contingência claras e necessárias para a defesa e proteção da saúde dos seus beneficiários e dos seus colaboradores.

Por outro lado, já disponibilizou à estrutura nacional de saúde os meios de que dispõe para reforço da resposta hospitalar e está a reunir parceiros para reforçar o apoio aos beneficiários que fazem parte dos grupos de risco no cenário atual.

A segurança de todos e o contributo para a contenção da propagação do Covid-19 em Portugal é uma preocupação primordial da AMI. É uma questão de saúde pública, de civismo e de solidariedade.