AMI prolonga missão em Moçambique por mais 1 mês

Instalado em Manga Nhaconjo, o Hospital de campanha que a AMI opera, em coordenação com a Organização Mundial de Saúde, está aberto 24 horas por dia e realiza uma média semanal de 390 consultas.

Só nesta última semana, a equipa da AMI assinalou 358 casos de diarreia aguda, compatível com cólera, 30 casos em que foi necessário internamento para fluidoterapia, 11 transferências para outras unidades de saúde, 7 casos de malária e um óbito relacionado com cólera.

Este Hospital vai continuar operacional, pelo menos, até ao final do mês de maio sendo a equipa constituída neste momento, por 10 elementos, dos quais 3 médicos e 3 enfermeiros.