“Papia Ku Mi” – Promoção da Saúde e Direitos Sexuais e Reprodutivos

Guiné-Bissau, ilha de Bolama

Como posso ajudar nesta missão?

Donativo
Partilhar:
A sua pequena ajuda será uma grande ajuda para todos. Está ao seu alcance fazer a diferença!

age · muda · integra


Início: Março 2021
Fim: Fevereiro 2022
Custo: €121.927,40
Apoios: Camões I.P.
Parceiros: Direção Regional de Educação de Bolama
Direção Regional de Saúde de Bolama
Rádio Pro-Bolama

Beneficiários: 5.248 habitantes da Ilha de Bolama

ODS:

Projeto de promoção da Saúde e Direitos Sexuais e Reprodutivos junto da população da ilha de Bolama, na Guiné-Bissau.

Iniciou no dia 01 de março o projeto “Papia Ku Mi – Promoção da Saúde e Direitos Sexuais e Reprodutivos”, implementado pela AMI, na Ilha de Bolama (Guiné-Bissau) com uma duração de 12 meses.

Este projeto destina-se a trabalhar os direitos sexuais e reprodutivos junto da população adolescente e juvenil da ilha, bem como seus cuidadores e líderes comunitários, contemplando três componentes: formação de um conjunto de elementos de referência, sobre os principais conceitos associados à saúde sexual e reprodutiva; sensibilização em contexto escolar e comunitário, recorrendo à metodologia de educação por pares, atividades artísticas, sessões de grupo e programas de rádio; implementação de um sistema de referenciação e encaminhamento para serviços de saúde especializados em saúde sexual e reprodutiva.

Para a implementação do projeto, a AMI conta com uma equipa local composta por um coordenador local de projeto, dois técnicos de projeto e 1 conselheiro local de SSR. Durante os primeiros três meses de projeto, esta equipa inclui também um elemento expatriado que fará a coordenação da componente de formação em saúde sexual e reprodutiva.

No próximo dia 15 de fevereiro de 2022 irá realizar-se na ilha de Bolama um evento sobre a temática deste projeto estruturado por dois grandes momentos:

  • Um primeiro, a sala fechada, onde se pretende fazer um balanço das atividades desenvolvidas e a desenvolver no âmbito do projeto e conversar sobre a temática, juntando a Cooperação Portuguesa, o FNUAP – Fundo das Nações Unidas para a População, os Ministérios da Saúde da Educação da Guiné-Bissau, a União Europeia, entre várias outras entidades;
  • Um segundo, em formato de “djumbai” na praça pública, aberto à comunidade local, onde serão proferidos alguns discursos e serão promovidas algumas conversas e espetáculos de teatro sobre a temática, realizados por grupos de jovens ligados ao projeto.

Projeto Papia Ku Mi – Programa do evento de comemoração (PDF)

Conheça outras missões e saiba como participar e ajudar em cada missão!

A sua pequena ajuda será uma grande ajuda para todos. Está ao seu alcance fazer a diferença!