Seminário: O Impacto da Pobreza no Tecido Social

seminario-o-impacto-da-pobreza-no-tecido-social_1200x628

No âmbito da Semana de Combate à Pobreza e Exclusão Social e da intervenção da instituição em território nacional há 24 anos, a Fundação AMI irá organizar um Seminário intitulado “O Impacto da Pobreza no Tecido Social”, que terá lugar em Coimbra, no ISCAC – Coimbra Business School, no dia 12 de outubro de 2018.

Com o objetivo de analisar diversos desafios e perspetivar novos olhares sobre o fenómeno da pobreza, pretende-se, com esta iniciativa, proporcionar um momento de reflexão participado, estruturado em quatro painéis, designadamente, “Pobreza: Ancestralidade versus Atualidade”, “Novas tecnologias – Robotização versus Inclusão Social”, “Modelo Habitacional versus Situação de Pobreza” e “O Papel da Inovação Social no Paradigma da Pobreza”.

Programa
8.45h Receção aos participantes

9.00h Sessão de abertura

  • Fernando Nobre, Presidente da Fundação AMI e Professor Catedrático da Faculdade de Medicina de Lisboa
  • Manuel Machado, Presidente da CMC 
  • Pedro Costa, Presidente da Coimbra Business School

9.30h Painel I – Pobreza: Ancestralidade vs. Atualidade

  • Pedro Hespanha, Professor da Faculdade de Economia de Coimbra e Membro Fundador do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra
  • Sérgio Aires, Sociólogo e Ex-Presidente da EAPN Europa
  • Ana Martins, Diretora Nacional da Ação Social AMI

Moderação Paulo Pereira, Diretor do Centro Porta Amiga de Coimbra

10.30h Debate

11.00h Pausa para café

11.15h Painel II – Novas tecnologias – Robotização vs. Inclusão Social

  • Domingos Lopes, Presidente da Comissão Diretiva do Programa Operacional Inclusão Social e Emprego (POISE)
  • Ana Sofia de Carvalho, Diretora do Instituto de Bioética, Universidade Católica Portuguesa
  • Lina Coelho, Investigadora do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra e representante da Associação pelo Rendimento Básico Incondicional Portugal
  • António Garcia Pereira, Advogado e Professor Universitário

Moderação Sónia Guadalupe, Professora do Instituto Miguel Torga e Investigadora do Centro de Estudos da População, Economia e Sociedade

12.15h Debate

– Pausa para almoço –

14.30h Painel III – Modelo Habitacional vs. Situação de Pobreza

  • Marisa Matias, Eurodeputada 
  • Jorge Gouveia Monteiro, Coordenador do Movimento Cívico Cidadãos por Coimbra
  • Ana Cordeiro Santos, Investigadora do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra

Moderação Lídia Pereira, Jornalista

15.30h Debate

16.00h Pausa para café

16.15h Painel IV – O Papel da Inovação Social no Paradigma da Pobreza

  • Clara Santos, Docente e Coordenadora da Licenciatura em Serviço Social da Faculdade de Psicologia e Ciências de Educação e cocoordenadora do Mestrado de Intervenção Social, Inovação e Empreendedorismo da Universidade de Coimbra
  • Maria Inês Amaro, Professora Universitária e Investigadora do ISCTE-IUL na área do Serviço Social
  • Alexandra Neves, representante da Estrutura de Missão Portugal Inovação Social
  • Filipa Pires de Almeida, Gestora de Comunidade do IES – Social Business School

Moderação João Bizarro, Jornalista

17.15h Debate

17.45h Encerramento

  • Fernando Nobre, Presidente da Fundação AMI e Professor Catedrático da Faculdade de Medicina de Lisboa

Este programa pode sofrer alterações em aviso prévio.

Oradores - Painel I
Pedro Hespanha

  • Sociólogo. Professor jubilado da Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra e Membro Fundador do Centro de Estudos Sociais.
  • Coordenador do Núcleo de Políticas Sociais, Trabalho e Desigualdades (POSTRADE) e do Grupo de Estudos sobre Economia Solidária (ECOSOL/CES), ambos do Centro de Estudos Sociais.
  • Tem investigado, ensinado e publicado nas áreas de políticas sociais, pobreza, exclusão e desigualdades sociais, economia solidária e estudos rurais.

Sérgio Aires

  • 49 anos. Licenciado em Sociologia pela Universidade do Porto (1994).
  • Consultor e perito nas áreas da pobreza, exclusão e políticas sociais.
  • Entre 1994 e 1998 integrou o gabinete de investigação da EAPN Portugal / Rede Europeia Anti Pobreza, organização de quem viria a ser o coordenador nacional entre 1998 e 2006. Desde 2006 trabalha como consultor independente. Enquanto tal, tem desempenhado as seguintes funções: conceção e coordenação de vários projetos europeus de dimensão nacional e transnacional; consultor de autarquias para implementação de Observatórios sociais; consultor internacional, com intervenções em Espanha, Itália e Brasil; consultor de várias organizações de Economia Social portuguesas no âmbito da qualificação organizacional, particularmente nas áreas de gestão estratégica, gestão da inovação; gestão de marketing e comunicação, gestão de recursos humanos, gestão de parcerias e trabalho em rede, gestão financeira e angariação de fundos. Contemporaneamente, e desde 2006, exerce as funções de
  • Diretor do Observatório de luta contra a Pobreza na cidade de Lisboa, uma iniciativa da EAPN Portugal / Rede Europeia Anti Pobreza.
  • Enquanto voluntário, exerce ainda atualmente, e entre outras, as funções de Delegado Português no Comité Executivo da European Anti-Poverty Network (EAPN); Presidente do Fórum Não Governamental para a Inclusão Social (FNGIS), vogal do Centro Social e Paroquial de São Nicolau (Porto) e Vice-Presidente da Associação Gentopia – Associação para a Diversidade e Igualdade de Género.

Ana Ferreira Martins

  • Assistente Social de formação, exerce funções como Diretora Nacional da Ação Social Da AMI, desde 2000.
  • Mestre em Estudos Sobre As Mulheres.
  • Professora Universitária no Instituto Piaget.
  • Representou a AMI durante dois anos na administração da FEANTSA.
Oradores - Painel II
Domingos Lopes

  • Pós-Graduação em Gestão dos Recursos Humanos (1995) no Instituto Superior de Gestão.
  • Pós-Graduação em Estudos Europeus – Vertente Económica, (1993) na Universidade Lusíada.
  • Licenciatura em Economia (1991), na Universidade Lusíada.
  • Gestor do POISE desde dezembro do 2014 – Nomeado Presidente da Comissão Diretiva do Programa Operacional Inclusão Social e Emprego.
  • Gestor do POPH de fevereiro de 2012 a dezembro de 2014 – Nomeado Gestor do Programa Operacional do Potencial Humano.
  • Secretário Técnico do POPH de 2009 a 2012 – Nomeado Secretário Técnico do POPH, responsável pela Unidade de Análise II.
  • Chefe de Projeto do POEFDS e PORLVT de 2001 a 2009 – Chefe de Projeto da Estrutura de Análise de Projectos dos Eixos I, II e IV (EAP) do Programa Operacional do Emprego, Formação e Desenvolvimento Social (POEFDS), de Março de 2003 até Fevereiro de 2009, em acumulação com o cargo de Chefe de Projecto da Estrutura de Projecto de Gestão e Análise da Intervenção Sectorial Desconcentrada do Emprego, Formação e Desenvolvimento Social de Lisboa e Vale do Tejo. Chefe de Projeto (equiparado a Director de Serviços) da Estrutura de Gestão e Análise da Região de Lisboa e Vale do Tejo da Intervenção Desconcentrada do Emprego, Formação e Desenvolvimento Social do PORLVT, desde Abril de 2001.
  • Chefe de Divisão no IEFP de 1995 a 2001 – Chefe de Divisão da Unidade Técnica de Análise da Região de Lisboa e Vale do Tejo do Programa Pessoa (1997/2001). Chefe de Divisão de Análise para a Formação Externa da Delegação Regional de Lisboa e Vale do Tejo do IEFP (1996/1997). Chefe de Divisão de Análises na Direcção de Serviços de Análise e Acompanhamento de Projectos da Delegação Regional de Lisboa e Vale do Tejo do IEFP (1995/1996).
  • Técnico Superior no IEFP desde 1990 – Prestador de serviços entre abril de 1990 e janeiro de 1992 e Funcionário do Instituto do Emprego e Formação Profissional, desde 1992, com a categoria actual de Técnico Superior Consultor.

Ana Sofia Carvalho

  • Doutoramento em Biotecnologia
  • Mestrado em Bioética e Ética Médica
  • Pós-Graduação em Bioética
  • Licenciatura em Microbiologia
  • Diretora do Instituto de Bioética, Universidade Católica Portuguesa (IB-UCP).
  • Professora Associada com Agregação na Universidade Católica Portuguesa.
  • Membro do Grupo Europeu de Ética em Ciência e Novas Tecnologias.
  • Coordenadora do Programa de Doutoramento em Bioética (IB-UCP).
  • Membro do Conselho Nacional de Ética para as Ciências da Vida.
  • Coordenadora da Cátedra Unesco em Bioética (IB-UCP)
  • Coordenadora do Programa para a Responsabilidade na Investigação da Fundação para a Ciência e Tecnologia.
  • Membro da Comissão de Integridade Científica do Instituto Oswaldo Cruz, Fundação Oswaldo Cruz, Rio de Janeiro, Brasil.
  • Consultora especialista do FP7 em Ética, ciência e sociedade.
  • Perita na área da avaliação ética da Comissão Europeia (Marie Curie Grants, European Research Council, European Commission DG Research & Innovation Directorate F – Health, European Commission DG Research & Innovation Directorate B – European Research Area B.6: Ethics and gender).

Lina Coelho

  • Lina Coelho doutorou-se em Economia pela Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra, onde leciona. É também investigadora no Centro de Estudos Sociais. Os seus interesses de investigação centram-se nas desigualdades económicas, desigualdades de género e relações económicas intrafamiliares.
  • É membro da Associação pelo Rendimento Básico Incondicional Portugal. O rendimento básico incondicional interessa-lhe enquanto possível instrumento para a construção de um futuro mais justo, com segurança económica básica para todas as pessoas, independentemente da sua situação familiar, profissional e pessoal.

António Garcia Pereira

  • Licenciado em Direito em 1975 e Mestre em Ciências Jurídicas em 1982 pela Faculdade de Direito de Lisboa, e Doutorado em Ciências Jurídicas, na área do Direito do Trabalho, em 2002 pela Faculdade de Direito da Universidade Nova de Lisboa.
  • Docente universitário desde 1975, e do ISEG desde 1986, é actualmente Professor Auxiliar do Instituto, regendo as disciplinas de Introdução ao Direito do Trabalho (licenciatura) e Direito do Trabalho e Segurança Social (mestrado), e leccionando igualmente a disciplina de Introdução ao Direito e vários módulos de Direito do Trabalho em diversos cursos de Mestrado e de Pós-Graduação de várias outras Faculdades, designadamente das Faculdades de Direito da Universidade de Lisboa, da Universidade Nova de Lisboa, da Universidade de Coimbra e da Universidade Lusíada do Porto.
  • Advogado desde 1977, tem o título de Especialista em Direito do Trabalho conferido pela Ordem dos Advogados.
  • É autor de diversos Pareceres, tem inúmeros textos, artigos, capítulos de livros e livros publicados e tem sido orador em inúmeras Conferências e Palestras, em particular nas áreas da Justiça, dos Direitos dos Cidadãos e do Direito do Trabalho.
  • É investigador e Presidente da Mesa da Assembleia Geral do SOCIUS – Centro de Investigação em Sociologia Económica e das Organizações do ISEG e membro dos corpos gerentes da JUTRA – Associação Luso-Brasileira de Juristas do Trabalho.
Oradores - Painel III
Ana Cordeiro Santos

  • Ana Cordeiro Santos, doutorada em Economia e Filosofia pela Universidade Erasmus de Roterdão, Holanda, é investigadora no Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra, onde integra o Núcleo de Estudos sobre a Ciência, Economia e Sociedade (NECES).
  • O seu trabalho de investigação tem incidido sobre as implicações sociais e políticas da ciência económica, nomeadamente o papel desta área do conhecimento na construção de mercados e de outras instituições sociais. Tem-se também debruçado sobre os temas da financeirização, o endividamento das famílias e a habitação.
  • Atualmente coordena o projeto de investigação FINHABIT – Viver em Tempos Financeiros: Habitação e Produção de Espaço no Portugal Democrático.

Jorge Gouveia Monteiro

  • É Natural de Coimbra, licenciado em Direito, tem 44 anos, é casado, tem uma filha.
  • Fez parte do Conselho Directivo da Faculdade de Direito de Coimbra em 1975-1976.
  • É Membro do PCP desde 1976 e funcionário desde 1977.
  • É Membro da Direcção da Organização Regional de Coimbra e Membro do Comité Central do PCP.
  • Foi Membro da Assembleia Municipal de Coimbra entre 1986 e 1990.
  • Ex-Vereador na Câmara Municipal de Coimbra.
  • Coordenador do Movimento Cívico Cidadãos por Coimbra.

Marisa Matias

  • É Investigadora do Centro de Estudos Sociais e é doutorada pela Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra. As suas áreas de interesse incluem as relações entre ambiente e saúde pública, ciência e conhecimentos e democracia e cidadania.
  • Escreveu, entre outros textos, “Rumo a uma saúde sustentável: Saúde, ambiente e política”, Saúde e direitos humanos, 3, 2006 (com João Arriscado Nunes), e “Don’t treat us like dirt: The fight against the co-incineration of dangerous industrial waste in the outskirts of Coimbra”, South European Society & Politics, 9, 2004.
  • Actualmente é deputada no Parlamento Europeu, eleita em 2009, onde integra as Comissões de Indústria, investigação e energia (ITRE) e Economia a assuntos financeiros (ECON). É também Vice-Presidente da Delegação para as relações com os países do Maxereque.
  • Entre 2009 e 2012 foi membro da Comissão de Ambiente, Saúde Pública e Segurança Alimentar (ENVI).
Oradores - Painel IV
Clara Santos

  • Doutorada Serviço Social, é docente e Coordenadora da Licenciatura em Serviço Social da Faculdade de Psicologia e Ciências de Educação e cocoordenadora do Mestrado de Intervenção Social, Inovação e Empreendedorismo, fruto de uma parceria entre a Faculdade de Psicologia e a Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra. É Presidente da Direção da Anajovem em Coimbra.

Maria Inês Amaro

  • É doutorada em Serviço Social, pela Universidade Católica Portuguesa; mestre em Comunicação, Cultura e Tecnologias da Informação, pelo ISCTE, e licenciada em Serviço Social, pelo Instituto Superior de Serviço Social de Lisboa. Professora na licenciatura, mestrado e doutoramento em Serviço Social do ISCTE-IUL e investigadora integrada do CIES. Directora do Mestrado em Serviço Social do ISCTE-IUL. Membro do Executive Committee da European Association of Schools of Social Work. Chair do Scientific Committee da Conferência Europeia da EASSW, em Madrid, 2019.
  • Tem interesses de investigação nas áreas da teoria e prática do Serviço Social, da Sociedade e Tecnologia e da Exclusão Social e Trabalho. Consultora na área do planeamento social e avaliação. Autora de livros, artigos e traduções nas áreas de investigação assinaladas.

Alexandra Neves

  • 44 anos, natural de Vila Pouca de Aguiar e residente em Leiria. Licenciada e pós graduada em: Gestão de Recursos Humanos; Gestão de Lares de Idosos; Luto e Perdas. Mestre em Envelhecimento Ativo. Iniciou a sua carreira como formadora na área comportamental, tendo ingressado, à posteriori, na análise de Projetos ao Fundo Social Europeu, onde acompanhou técnica e financeiramente projetos sociais e empresariais. Pontualmente é Docente convidada e coordenadora de Pós Graduações no Ensino Superior.
  • Desde o início do Quadro Comunitário Portugal 2020, representa o “Portugal Inovação Social” na região Centro. Em paralelo, é voluntária em Instituições Sociais, catequista e animadora de grupos de jovens.

Filipa Pires de Almeida

  • Gestora de Comunidade da IES-SBS, estando responsável pela Gestão do Acompanhamento IES-SBS e pela Rede de alumni IES-SBS. Conta com experiências profissionais no setor público e privado, tendo, anteriormente, trabalhado como Policy Advisor no Parlamento Europeu, na Comissão de Economia e Assuntos Monetários, onde acompanhou os desenvolvimentos da crise económico-financeira Europeia e os seus efeitos em Portugal.
  • Anteriormente passou pela Critical Software Brasil, onde trabalhou na área de Business Development, pela Católica Lisbon School of Business & Economics, tendo lecionado a disciplina de Microeconomia, e pela Deloitte Consulting, na área de Estratégia e Operações.
  • É licenciada em Economia pela Universidade Católica do Porto e Mestre em Estratégia e Empreendedorismo pela Católica Lisbon School of Business & Economics.

 

 

Localização

O Seminário decorrerá no Auditório do ISCAC – Coimbra Business School.
Endereço: Quinta Agrícola – Bencanta, 3040-316 Coimbra

Como chegar?

De carro
Partindo do Porto (Norte) ou de Lisboa (Sul) utilizando a autoestrada A1:
Deve sair em Coimbra-Sul/Alfarelos (a 100 km do Porto e 200 km de Lisboa) e seguir pelo IC2 em direção a Coimbra. Antes de chegar a Coimbra, sair do IC2 na saída Bencanta- ISCAC e seguir as indicações “ISCAC”.

De comboio
Desde Lisboa ou Porto com os serviços Alfa Pendular ou Intercidades da CP, deve sair na estação de Coimbra-b e apanhar um táxi até às instalações do ISCAC – Coimbra Business School.