Quando a AMI e a Auchan ajudam crianças desde as primeiras letras

Com 21 anos, Priyal Vassaramo terminou a licenciatura em Julho deste ano, uma conquista que sempre fez parte dos seus sonhos de emancipação e independência e que talvez não tivesse sido possível se a jovem não fosse beneficiária da Campanha Escolar Auchan, desde o 1º ao 3º ciclo.

Desenvolvida em parceria com a AMI desde 2009, esta campanha já permitiu o acesso de 4.2940 crianças e jovens a material escolar, no valor total de um milhão e oitocentos mil euros.

“Até hoje, ainda uso algum do material que me foi dado ao longo dos anos em que me encontrava na escola, como os blocos de papel cavalinho, essenciais durante o curso de artes na universidade”, conta Priyal, acrescentando que “com três irmãos o apoio escolar foi uma ajuda importante, porque comprar material escolar para cada um de nós teria sido um grande investimento (…) Este apoio permitiu também conhecer o caminho que queria percorrer, no mundo das artes”.

Durante a frequência na licenciatura em Artes Visuais e Tecnologias da Escola Superior de Educação de Lisboa, do Instituto Politécnico de Lisboa, Priyal teve novamente acesso a um projeto de apoio financeiro para estudantes, que a AMI desenvolve desde 2015 e contou com financiamento da Auchan entre 2018 e 2021: o Fundo Universitário AMI.

Hoje, a dar os primeiros passos como fotógrafa, a jovem nunca viu um ponto final na licenciatura. O mestrado é o seu próximo passo, “para fazer frente a um mercado de trabalho muito exigente, cada vez mais competitivo, onde uma licenciatura há muito que deixou de ser o suficiente”.

Para que as mesmas oportunidades chegassem a todas as crianças e jovens estudantes, Priyal gostava que fossem criados mais apoios financeiros, para os estudantes universitários, “porque o valor das propinas é o que mais preocupa quem está no ensino superior”.