Mitigar a propagação da Covid-19 no Sri Lanka

Sri Lanka - Centro social e cultural D. Lourenço de Almeida

No Sri Lanka, uma das organizações parceiras da AMI no país, a Burgher Cultural Union, solicitou que uma parte do financiamento dirigido ao projeto atual seja direcionada para o apoio a 750 famílias vulneráveis da comunidade Burgher (comunidade luso-descendente), através da distribuição de kits alimentares, uma vez que essa população está a ser severamente afetada pelas medidas tomadas pelo governo para mitigar a propagação da Covid-19 no país.

Os beneficiários do projeto atualmente em curso, intitulado “Apoio educativo a crianças e jovens da comunidade Burgher”, viviam já em condições de pobreza extrema e obtinham o seu rendimento através de trabalhos temporários e precários, agora muito dificultados pelo recolher obrigatório e pelas medidas de isolamento decretadas pelo governo.

Pela mesma razão, a Sri Lanka Portuguese Burgher Foundation, criada em 2005 com o objetivo de prestar apoio social à comunidade Burgher e promover as relações culturais entre Portugal e o Sri Lanka, pediu um apoio adicional à AMI para poder manter os profissionais afetos à instituição, uma vez que se viram obrigados a fechar temporariamente.